Dia D vacina mais de 9 mil contra gripe em Rio Preto

Movimento foi 25% maior em relação ao do ano passado

6 de maio de 2019

O movimento do dia D da campanha de vacinação contra gripe, no último sábado, dia 4, foi 25% maior do que no ano passado. Este ano, foram 9.066 pessoas vacinadas nas unidades básicas de saúde e postos volantes, que funcionaram durante todo o dia, além de idosos acamados. Com isso, o número total de doses administradas em Rio Preto chegou a 65.746, com cobertura vacinal de 45,06%. A meta estabelecida pelo Ministério da Saúde é de 90%.

De acordo com a gerente de imunização do município, Michela Barcelos, o balanço do dia D em Rio Preto é positivo. “O sábado foi bastante movimentado, sendo que a maior procura foi dos idosos, seguida dos portadores de doenças crônicas. Agora temos o mês de maio para atingir a outra metade que falta para cumprirmos a meta”, afirmou.

A maior cobertura entre os grupos prioritários é das puérperas, com 62,86%, ou 418 doses administradas. Em seguida, aparecem as gestantes com 57,44% ou 2.323 doses aplicadas. Entre os profissionais da saúde, a cobertura está em 53,11%, equivalente a 9.962 pessoas vacinadas.

Pouco mais da metade dos idosos do município também foi imunizada: 50,52%, ou 28.982 pessoas. Entre as crianças, 47,59%, ou 12.538. Os professores têm a segunda pior cobertura da campanha até agora: 39,77% ou 2.069 profissionais. A pior cobertura da campanha está entre o grupo dos portadores de doenças crônicas, com 27,57%.

Entre a população sem meta de vacinação, foram imunizados 236 policiais, 20 funcionários do sistema prisional e 308 pessoas sem comorbidades.

A campanha continua até o dia 31 de maio. As unidades básicas de saúde permanecem abertas de segunda sexta-feira, das 7h às 16h30. Nas unidades do Parque Industrial, Santo Antonio, Eldorado, São Deocleciano, Vetorazzo, Solo Sagrado, Vila Toninho e Jaguaré, as salas ficam abertas até às 19h30. Já as salas de vacina das unidades Cidade Jardim, Jardim Gabriela e Vila Elvira estão temporariamente fechadas por conta das obras de reforma.

Letícia Greco